header top bar

section content

Amanda Nunes vence por decisão e mantém cinturão do UFC

Brasileira bateu Valentina Shevchenko na noite do último sábado (9)

Por Priscila Belmont

10/09/2017 às 10h08

© Getty Images

Após decisão dividida e polêmica dos jurados, Amanda Nunes venceu Valentina Shevchenko na noite do último sábado (9) e manteve o cinturão peso-galo feminino do UFC, seguindo agora em sequência invicta de seis lutas.

“Como eu disse antes, eu sabia tudo o que a Valentina traria essa noite. Eu fui à academia e me garanti que estaria afiada. Queria que ela estivesse cansada, não eu. Eu ia lutar até o final. Desculpem a todos os fãs por não ter lutado na última luta. Eu queria estar 100%. Tomei muitos antibióticos para estar aqui e lutar hoje pra vocês”, disse a brasileira, segundo o Combate.

O resultado não foi bem digerido pela adversária, que protestou. “Não entendo por que a vitória foi para ela. Eu venci três rounds. Olhem para a cara dela. O nariz dela estava vermelho com os meus socos. Ela ainda é a campeã? Mesmo no chão eu bati mais nela. Eu não acredito, realmente acho que venci. Eu chutei mais forte, eu soquei mais forte. Pisão não é chute. Eu definitivamente vou vencer a próxima. Eu preciso da próxima luta, estou totalmente em desacordo com a decisão. Olhem a minha canela. Está ferida porque eu chutei forte. Meu dedo está ferido porque soquei mais forte. Não entendo essa decisão.”

Notícias ao Minuto

ENTREVISTA

No Xeque-Mate, corretor avalia que Cajazeiras é melhor do que Sousa para investir no mercado imobiliário

DIÁRIO ESPORTIVO

Diário Esportivo recebe os membros da Associação dos ciclistas de Cajazeiras e região; Confira!

ADVERSÁRIOS ETERNOS

Breckenfeld diz que nunca será candidato a prefeito de São João nem aliado de Zé Aldemir: “Chance zero”

PSICOLOGIA & FILOSOFIA

Cajazeirense que vendia poesia pra pagar curso em SP fala sobre sonhos e objetivos no “Psicologia no Ar”