header top bar

section content

Presidente da FPF reconhece erro e pede desculpas por constrangimentos causados à imprensa do Sertão

Amadeu Rodrigues convidou os portais e tv´s online para uma reunião nessa quarta-feira (10), às 15 horas, na sede da FPF

Por Luzia de Sousa

09/01/2018 às 12h16 • atualizado em 09/01/2018 às 12h33

Amadeu Rodrigues, presidente, FPF (Foto: Edgley Lemos / GloboEsporte.com)

Após a confusão nos estádios de Sousa e Cajazeiras nesse domingo (7), o presidente da Federação Paraibana de Futebol (FPF), Amadeu Rodrigues fez uma participação na imprensa da Terra do Padre Rolim nessa segunda-feira (8), e pediu desculpas pela ameaça feita pelos delegados da federão aos diretores de tv´s online, que transmitiam as partidas no Sertão do estado.

Saiba mais!

+ Sindicato dos radialistas, ACI e API emitem nota de repúdio a Federação Paraibana de Futebol por barrar transmissões em Sousa e Cajazeiras

+ CONFUSÃO: Sobre transmissão dos jogos do Campeonato Paraibano, TV Diário do Sertão esclarece em nota

TV da cidade de Sousa emite Nota de Repúdio após ser barrada pela Federação Paraibana de Futebol

Amadeu reconheceu o erro da federação e durante o programa Rádio Vivo, da Alto Piranhas AM: “Pedir desculpas pelo fato. Vou conversar com os representantes porque eles só resolvam isso, sem policiamento, sem nada”, disse o presidente se referindo ao fato de ter sido acionada a Polícia Militar para impedir a transmissão dos jogos do Paraibano 2018.

Ele voltou a alegar que a proibição se deve ao fato de que os direitos de transmissão pertencem à TV Esporte Interativo, que não estava fazendo as transmissões, porém, confessou que tinha conhecimento de que as tv´s faziam as transmissões há mais de quatro anos com a autorização dos times.

“Aconteceu no passado. Eu sabia? Sabia, mas a gente tem que dar um ponta pé inicial”. Argumentou o presidente
Na mesma participação, Amadeu convidou os portais e tv´s online para uma reunião nessa quarta-feira (10), às 15 horas, na sede da FPF, e de acordo com informações chegadas a nossa redação, os representantes do Sertão, Brejo, Cariri, Campina Grande confirmaram que estarão presentes, incluindo a TV Diário do Sertão, TV Sertão, TV Sousa, TV Portal Mídia TV, TV Patoense e RapoZap.

Jogo foi paralisado, e segundo o representante da Federação, Amadeu mandou usar força de policia contra integrantes da TV Diário do Sertão e TV Sousa

Repercussão
O Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Radiodifusão e Televisão do Estado da Paraíba (STERT-PB), a Associação Paraibana de Imprensa (API) e a Associação Cajazeirense de Imprensa (ACI) emitiram nota de repúdio nesta segunda-feira (8), a Federação Paraibana de Futebol (FPF) e tacharam de “constrangimentos” as proibições das tv´s online do Sertão do estado transmitirem as partidas de futebol nesse domingo (7).

DIÁRIO ESPORTIVO

ENTREVISTA

No Xeque-Mate, corretor avalia que Cajazeiras é melhor do que Sousa para investir no mercado imobiliário

DIÁRIO ESPORTIVO

Diário Esportivo recebe os membros da Associação dos ciclistas de Cajazeiras e região; Confira!

ADVERSÁRIOS ETERNOS

Breckenfeld diz que nunca será candidato a prefeito de São João nem aliado de Zé Aldemir: “Chance zero”

PSICOLOGIA & FILOSOFIA

Cajazeirense que vendia poesia pra pagar curso em SP fala sobre sonhos e objetivos no “Psicologia no Ar”