header top bar

section content

Previsível, Santos é derrotado pelo Atlético-GO na Copa do Brasil

Com atuação frustrante, equipe mista do Peixe tem Gustavo Henrique expulso e perde por 1 a 0 nesta quinta-feira, devido a gol marcado por Jorginho

Por R7 / Lance

05/04/2019 às 08h53

Atlético GO x Santos (Foto: Lance)

A opção do Santos por escalar uma equipe mista da Copa do Brasil trouxe suas consequências. Penando com a falta de entrosamento e, em especial, a inferioridade numérica após a expulsão de Gustavo Henrique, o Peixe foi derrotado por 1 a 0 para o Atlético-GO, graças ao gol de Jorginho no jogo de ida válido pela terceira fase do torneio, nesta quinta-feira, no Estádio Antônio Accioly.

Com o revés, a equipe de Jorge Sampaoli precisa de triunfos superiores a um gol na Vila Belmiro, em duelo na próxima quinta-feira, para garantir diretamente sua vaga à próxima fase da competição. Ao Dragão, basta o empate para avançar no torneio, enquanto vitórias do Santos por um gol de diferença levam a decisão da vaga para os pênaltis.

Está desafinando…

A opção de Jorge Sampaoli por levar uma equipe mista a campo trouxe dificuldades ao Santos. Mesmo mostrando maior ímpeto, o desentrosamento atrapalhava as investidas com Rodrygo e Soteldo. Somente aos 15, Victor Ferraz encontrou Cueva, que ajeitou na intermediária, mas errou feio na finalização. Além disto, o Dragão, era traiçoeiro: Éverson fez intervenções em duas conclusões de Pedro Raul.

Por um triz!

Aos poucos, o Peixe achou brechas para levar perigo. Válvula de escape da equipe, Rodrygo cruzou da linha de fundo e Eduardo Sasha se esticou, mas não alcançou a bola. Logo depois, Soteldo abriu a Cueva, que fez Kozlinszki se desdobrar para salvar. Mas a defesa continuava a trazer calafrios: Pedro Raul desviou cruzamento e teve o grito de gol abafado por Éverson. No último lance, Jorge esteve à beira de ter um cartão de visitas consagrador: o camisa 3 passou como quis pela marcação, entrou na área e tocou na saída do goleiro, mas Moraes salvou em cima da linha.

Haja coração!

O cenário da etapa final foi de tensão para o Santos. Matheuzinho esticou a Mike, que carimbou a trave. E aos sete minutos, a rota do jogo mudou: Gustavo Henrique recebeu seu segundo amarelo e deixou a equipe com um a menos. O Peixe até assustou quando finalização de Eduardo Sasha foi travada providencialmente por Lucas Rocha. Contudo, os donos da casa, que passaram a ter um trio ofensivo, foram à frente. Jonathan finalizou e, após desvio na zaga, a bola raspou a trave de Éverson.

E saiu barato

Vendo que o Santos não conseguia arrefecer os ânimos, o Dragão aumentou a intensidade da sua pressão. Matheuzinho finalizou rente à trave. Moraes cruzou rasteiro e, totalmente livre, Pedro Raul furou na marca do pênalti. De tanto pressionar, o Atlético-GO soltou o grito de gol. Jonathan alçou da esquerda e, em meio à zaga, Jorginho surgiu para estufar a rede: 1 a 0. Desnorteado, o Peixe foi para o contra-ataque e viu Reginaldo servir Pedro Raul, mas o atacante se embolou com Gilsinho na hora de concluir. Cabe à equipe santista mostrar sua força na Vila Belmiro, mas ciente de que não passou no teste às vésperas da semifinal do Paulista.

Fonte: R7 / Lance - https://esportes.r7.com/lance/futebol/previsivel-santos-e-derrotado-pelo-atletico-go-na-copa-do-brasil-04042019#!/foto/1

Recomendado para você pelo google

VÍDEO

“Sou liderança forte, mas estou abandonado”, declarou Gobira ao vivo sobre grupo de Carlos Antonio

VÍDEO!

Padre cajazeirense responde a cantor gospel que atacou Nossa Senhora: “Nossos pêsames a esse cantor”

SAIBA

É OU NÃO É FERIADO? Em entrevista, prefeito de Cajazeiras decide sobre o Dia de São Pedro

PROGRAMA XEQUE MATE

Em Cajazeiras, pai de Gabriel Diniz se emociona e fala com exclusividade sobre a morte do cantor