header top bar

section content

Em meio a polêmicas e até pane elétrica, VAR rouba a cena nas finais dos estaduais

Árbitro de vídeo é protagonista em várias decisões pelo Brasil; treta entre Renato Gaúcho e Victor Cuesta também ganha destaque no fim de semana

Por Globo Esporte

15/04/2019 às 08h43

O VAR parou de funcionar em algumas partidas deste domingo

Amor ou ódio. A relação entre o árbitro de vídeo e o futebol brasileiro não tem meio-termo. E foi assim nas finais dos campeonato estaduais. O VAR ganhou destaque na maioria das decisões, até quando parou de funcionar.

Isso mesmo! Parou de funcionar. No segundo tempo do clássico entre Vasco e Flamengo, o juiz Rodrigo Nunes de Sá foi avisado de que não poderia mais usar o árbitro de vídeo, devido a uma pane elétrica.

Mas, antes de parar de funcionar, o VAR já tinha criado polêmica no Clássico dos Milhões. Quando Werley tentou cortar um chute do Flamengo, a bola sobrou para Bruno Henrique, que empurrou para as redes. O gol, a princípio, tinha sido validado. Mas, após consultar o árbitro de vídeo, Rodrigo Nunes de Sá anulou o tento, por impedimento do atacante rubro-negro.

Como o último toque antes de Bruno Henrique finalizar foi do zagueiro do Vasco, o lance causou revolta entre os torcedores do Fla.

Como o último toque antes de Bruno Henrique finalizar foi do zagueiro do Vasco, o lance causou revolta entre os torcedores do Fla.

Mas, no fim das contas, a Federação Paulista curtiu o VAR (FPF está em relacionamento sério com o árbitro de vídeo.

No Campeonato Mineiro…

Nem adianta fazer mistério, porque, obviamente, também teve discussão sobre o VAR.

Já no Rio Grande do Sul, o árbitro de vídeo nem gerou tanto debate. O principal personagem do Gre-Nal foi mesmo Renato Gaúcho. E vamos explicar logo o porquê.

Ferveu o final do primeiro tempo no Gre-Nal. Depois de uma chegada de Cuesta em Matheus Henrique, Renato foi para cima do argentino.

A treta com o zagueiro Victor Cuesta, do Inter, é uma amostra da intensidade do clássico gaúcho. Mas também funciona como uma oportunidade para reflexões profundas.

E não há final de Estadual que nos faça esquecer do sonho do hexa mundial.

Para terminar em alto astral, vai aí um belo exemplo dado por Rogério Ceni, treinador do Fortaleza.

Fonte: Globo Esporte - https://globoesporte.globo.com/noticia/viralizou-em-meio-a-polemicas-e-ate-pane-eletrica-var-rouba-a-cena-nas-finais-dos-estaduais.ghtml

SOLIDARIEDADE

VÍDEO: cantora cajazeirense distribui mais de uma tonelada de alimentos arrecadados em Live Solidária

PARABÉNS

VÍDEO: no dia Nacional do Cigano, conheça a maior comunidade que vive em Sousa, Sertão da Paraíba

EXCLUSIVO

VÍDEO: Família abre cova para sepultar parente que morreu de Covid-19 e denuncia abandono em Cajazeiras

FEZ UM 'RANKING'

VÍDEO: Médico diz que Cajazeiras é ‘vice-campeã’ em óbitos por Covid-19 no Sertão, e alfineta a gestão

Recomendado pelo Google:
error: Alerta: Conteudo Protegido !!