header top bar

section content

Parecer de procurador do TJDF-PB é favorável ao time do Sousa no caso envolvendo atacante Jó Boy

Outros clubes estão envolvidos em denúncias de irregularidades de jogadores, e podem perder pontos no tapetão, são eles: Atlético de Cajazeiras, CSP e Campinense.

Por Redação Diário

08/03/2020 às 15h54 • atualizado em 08/03/2020 às 16h07

Aldeone Abrantes, presidente do Sousa (Foto: Diário do Sertão)

O presidente do Sousa, Aldeone Abrantes, comemorou a decisão da Procuradoria do Tribunal de Justiça Desportiva da Paraíba (TJDF-PB) do “Caso Jó Boy”, que pode livrar o clube de perder seis pontos no Campeonato Paraibano.

Segundo Aldeone, Fábio Trindade foi fiel aos acontecimentos e que vem sendo utilizado na defesa do Dinossauro. “O atleta Jó Boy não foi comunicado em nenhum momento de qualquer julgamento, assim como o Sousa. O único que estava sabendo disso foi o São Paulo Crystal que, inclusive, pediu o adiamento do julgamento. Acho que o parecer prova a inocência do nosso clube e do próprio jogador”, destacou Aldeone.

A Procuradoria do Tribunal de Justiça Desportiva da Paraíba (TJDF-PB) entendeu que o jogador não teve ciência do julgamento realizado no dia 9 de dezembro, e que a punição de um jogo só deve ser cumprida quando o Tribunal fizer essa comunicação de forma oficial.

ENTENDA
Jó Boy foi expulso na decisão do Campeonato Paraibano da 2ª Divisão do ano passado, quando ainda defendia o São Paulo Crystal. O jogo aconteceu no dia 12 de outubro de 2019 contra o Sport Lagoa Seca. O julgamento só aconteceria praticamente dois meses depois, no dia 9 de dezembro. A esta altura, o atacante já estava sem contrato. Tanto a linha de defesa do Sousa, quanto o parecer do procurador do TJDF-PB entendem que o atleta não foi intimado para a defesa.

“O Tribunal de Justiça Desportiva de Futebol do Estado da Paraíba não pode deixar de cumprir com seus atos legais. Neste diapazão, o atleta deveria ter sido comunicado da citada decisão da 1ª Comissão Disciplinar”, disse o trecho do parecer de Fábio Trindade.

OUTROS CLUBES ENVOLVIDOS
O Atlético de Cajazeiras (zagueiro Egon) e do CSP (atacante Negueba), Campinense (denunciado pela escalação do goleiro Pantera), estão envolvidos em denúncias de irregularidades de jogadores, e podem perder pontos no tapetão.

VEJA A POSTAGEM DO SOUSA

DIÁRIO ESPORTIVO

AUMENTO DA DOENÇA

CORONAVÍRUS: Em 26 dias, casos confirmados crescem 140% em Sousa comparados com Cajazeiras

VEJA A LISTA DE BAIRROS

VÍDEO: Cajazeiras soma 63 casos de Covid-19; Centro e bairro São Francisco lideram em número de casos

ISOLAMENTO SOCIAL

VÍDEO: Secretaria de Educação de Santa Terezinha-PB inova com aulas no YouTube e em programa de rádio

"TIVE VERGONHA ALHEIA"

VÍDEO: “País está entregue a um bando de aloprados”, diz jornalista sobre vídeo de reunião ministerial

Recomendado pelo Google:
error: Alerta: Conteudo Protegido !!