header top bar

section content

Campanha digna de semifinalista, mas reles permanência: eis o Naça no estadual

Canário obteve a 4ª melhor campanha na primeira fase do Paraibano, e acumulou ao todo, 30 pontos durante a competição. Contudo, restou ao clube comemorar a permanência na 1ª divisão

Por Globo Esporte PB

27/03/2018 às 08h39

Nacional de Patos (Foto: Divulgação / Nacional de Patos)

Com a goleada por 6 a 0 sobre a Desportiva Guarabira, nesse domingo, no José Cavalcanti, o Nacional de Patos garantiu a permanência na elite do futebol paraibano para a próxima temporada. Muito pouco para um time que terminou a fase de grupos do estadual com a quarta melhor campanha entre os 10 times da disputa e que, ao fim da sua participação na competição, totalizou 30 dos 48 pontos que disputou, perfazendo 62,5% de aproveitamento. Sequelas de um regulamento que gerou muita polêmica e que deixou os nacionalinos com a sensação de que a equipe merecia mais.

A campanha foi digna de semifinalista. Na fase de grupos, por exemplo, o Canário do Sertão somou 19 pontos e ficou abaixo apenas de Campinense (que somou 23 e já está na final), Botafogo-PB (que fez 22 e está disputando a semifinal) e do Sousa (que somou 20 e foi eliminado em uma das repescagens para as semifinais). O Canário do Sertão somou mais pontos que o Treze, que terminou a primeira fase com 14 pontos, mas que, por ter sido líder do Grupo B, avançou direto para as semifinais e briga com o Belo por uma vaga na decisão contra a Raposa. Mas, por força do regulamento, restou a Naça a disputa no quadrangular do rebaixamento, contra Atlético de Cajazeiras, Auto Esporte e Desportiva Guarabira, que, juntos, somaram apenas 16 pontos, 3 a menos que o Alviverde de Patos.

Isso se deu porque, de acordo com o regulamento do Campeonato Paraibano, os times do Grupo A (Campinense, Botafogo-PB, Sousa, Nacional de Patos e Auto Esporte) enfrentariam na primeira fase apenas as equipes da Chave B (Treze, CSP, Serrano-PB, Atlético-PB e Desportiva). E, ao longo das 10 rodadas da fase de grupos, ficou evidente a superioridade técnica dos times do A sobre os do B. Tanto que o ranking geral da primeira fase terminou com os quatro primeiros colocados sendo do Grupo A – Campinense (23), Botafogo-PB (22), Sousa (20) e Nacional de Patos (19).

À época, quando do término da primeira fase, o goleiro Pantera se pronunciou e falou que era uma injustiça o Nacional ter que disputar o quadrangular da morte.

– É injusto! Você vê do outro lado um desequilíbrio absurdo, enquanto que no nosso grupo tivemos quatro equipes brigando diretamente, tendo que jogar sem poder perder em nenhum momento, senão você seria ultrapassado pelo terceiro colocado. Foi muito difícil do lado de cá – afirmou o goleiro do Nacional à época.

Se observada apenas a campanha geral entre os clubes do Campeonato Paraibano, o Nacional terminou a competição acumulando 30 pontos, e tem, até então, a maior pontuação entre as equipes participantes do estadual. Inclusive, tal pontuação geral é maior do que a do Campinense, que já está na final do estadual – a Raposa somou, até então, 26 pontos durante toda competição.

É importante destacar, claro, que o quadrangular da morte foi disputado por quatro equipes que jogaram entre si, em jogos de ida e volta, e, com isso, na somatória geral, acabaram jogando mais vezes do que os demais times do Campeonato Paraibano. Sendo assim, o Nacional de Patos jogou 19 partidas, mais do que qualquer uma das equipes que estão envolvidas na fase final do estadual. Com o fim do quadrangular da morte, Auto Esporte e Desportiva Guarabira foram rebaixados para a 2ª divisão do Paraibano em 2019.

Fonte: Globo Esporte PB - https://globoesporte.globo.com/pb/futebol/times/nacional-de-patos/noticia/campanha-digna-de-semifinalista-mas-reles-permanencia-eis-o-naca-no-estadual.ghtml

Recomendado para você pelo google

FICOU PRESO ÀS FERRAGENS

PRF conta detalhes do acidente que vitimou vendedor da Região de Cajazeiras e deixou mulher ferida

VÍDEO

Aliado do governador bate de frente com presidente da CDL e garante funcionamento do IPC em Cajazeiras

NOVOS RUMOS

VÍDEO: Em Patos, assembleia da Paraíba debate sustentabilidade e desenvolvimento regional no Sertão

SUCESSO

VÍDEO: Mensagem Empresarial mostra história de um dos maiores empresários e empreendedores de Cajazeiras