header top bar

section content

Jacaré e Weidman são premiados com bônus de US$ 50 mil por “Luta da Noite” no UFC 230

Vitória do brasileiro diante do americano foi marcada por reviravolta na co-luta principal em Nova York. Israel Adesanya e Jared Cannonier levam bônus por "Performance da Noite"

Por Sportv

04/11/2018 às 08h53

Ronaldo Jacaré e Chris Weidman fizeram a "Luta da Noite" do UFC 230 (Foto: Jason Silva)

O UFC 230 rendeu um bônus de US$ 50 mil para quatro lutadores na noite deste sábado, valor que corresponde a cerca de R$ 184 mil. A organização escolheu o duelo entre Chris Weidman e Ronaldo Jacaré como a “Luta da Noite”, que terminou com a vitória do brasileiro por nocaute. Já as duas “Performances da Noite” ficaram a cargo de Israel Adesanya e Jared Cannonier.

A “Luta da Noite” foi marcada por uma reviravolta e um golpe acachapante de Ronaldo Jacaré. Após sair atrás nos dois primeiros rounds, dominado pelo americano na trocação, o brasileiro conseguiu encaixar um direto de direita que levou o adversário à lona. O árbitro Dan Miragliotta ainda demorou a interromper a luta, mas a vitória de Jacaré já estava garantida.

Já uma das performances da noite veio com Israel Adesanya, que não precisou nem mesmo chegar ao segundo round para vencer Derek Brunson por nocaute, que veio após uma joelhada de encontro abrir caminho. A outra performance foi de Jared Cannonier, que venceu David Branch com apenas 29 segundos do segundo round.

Fonte: Sportv - https://sportv.globo.com/site/combate/noticia/jacare-e-weidman-sao-premiados-com-bonus-de-us-50-mil-por-luta-da-noite-no-ufc-230.ghtml

Recomendado para você pelo google

ALERTA!

VÍDEO: Xeque Mate recebe bombeiros militares em programa sobre acidentes dométicos e primeiros socorros

DIRETO AO PONTO

VÍDEO: Se reforma da Previdência não cortar privilégios, sociedade deve ‘gritar’ contra ela, diz padre

INFRAESTRUTURA

VÍDEO: Chuvas destroem ruas de Cajazeiras que não são pavimentadas e moradores cobram ação da Prefeitura

VETERANO DA MÚSICA

VÍDEO: Em Cajazeiras, cantor de renome nacional critica sertanejo universitário: “Virou uma baderna”