header top bar

string(16) "diario-esportivo"

section content

Felipe Melo exalta Felipão e cutuca Tite: “Até agora, não vi ganhar certas coisas importantes”

Volante diz que técnico do Palmeiras "foi o último cara que ganhou a Copa do Mundo"

Por GE

03/12/2018 às 07h01 • atualizado em 03/12/2018 às 07h02

Felipe Melo comemora título brasileiro pelo Palmeiras com a taça (Foto: Marcos Ribolli)

Em meio à comemoração do título do Campeonato Brasileiro com o Palmeiras, Felipe Melo exaltou o trabalho do técnico Luiz Felipe Scolari e cutucou Tite, atual comandante da seleção brasileira.

Em entrevista ainda no gramado da arena depois do triunfo do Palmeiras por 3 a 2 sobre o Vitória, neste domingo, Felipe Melo usou o desempenho de Felipão em sua primeira passagem pela Seleção para dizer que “não tinha o que contestar sobre o técnico”.

– O Felipão está nos pouquíssimos treinadores que ganharam uma Copa do Mundo, tem pouco o que contestar aquilo que ele já venceu como treinador de futebol. Tanto se fala de tantos treinadores, o atual treinador da Seleção, por exemplo, que se falam maravilhas dele, mas até agora não vi ganhar certas coisas importantes. E o Felipão ganhou – destacou Felipe Melo.

– A gente espera como torcedor brasileiro que possa ganhar na seleção brasileira, sobretudo o Tite, que para mim é um grandíssimo treinador, que depois que chegou na Seleção mudou a cara dela, mas infelizmente até agora não ganhou. Estamos falando do último cara que ganhou a Copa do Mundo, tem de dar moral, tem de bater palma. Chegou aqui, ficou 23 jogos sem perder no Campeonato Brasileiro. Não tem muito o que contestar. Se joga feio ou se joga bonito, está ganhando. Não importa. A gente não joga feio ou joga bonito, a gente joga para ganhar. E isso a gente tem feito de uma forma louvável – completou.

Felipão treinou a seleção brasileira entre 2001 e 2002, vencendo a Copa de 2002. Em sua segunda passagem, ganhou a Copa das Confederações em 2013, mas ficou marcado pela derrota por 7 a 1 para a Alemanha, na semifinal da Copa do Mundo de 2014.

Tite, por sua vez, assumiu a Seleção em 2016. Na Copa da Rússia, em 2018, viu a equipe ser eliminada pela Bélgica nas quartas de final.

Fonte: https://globoesporte.globo.com/futebol/times/palmeiras/noticia/felipe-melo-exalta-felipao-e-cutuca-tite-ate-agora-nao-vi-ganhar-certas-coisas-importantes.ghtml

VÍDEO

Músico dá show no Acústico Diário e anuncia novo CD de trabalho; ele contou sobre o início da carreira

57 ANOS

VÍDEO: Prefeito prepara obras para serem entregues no dia da cidade em Santa Helena e convida população

MAIS UMA ESPECIALIDADE

VÍDEO: Clínica de Cajazeiras conta agora com médico especialista em doenças do intestino, reto e ânus

EPISÓDIO 14

VÍDEO: Coisas de Cajazeiras mostra trajetória do ex-prefeito Chico Rolim e fala de segurança no trabalho