header top bar

section content

Após eliminação, presidente do Santos detona CBF: “Conseguiu o que queria, nos desclassificar”

José Carlos Peres desabafa na zona mista do Pacaembu; mandatário fala de preços de ingressos, Vila Belmiro x Pacaembu e segue tentando desconvocação de Rodrygo

Por Globo Esporte

07/06/2019 às 07h30

José Carlos Peres, presidente do Santos, critica a CBF

O presidente do Santos, José Carlos Peres, esteve bastante irritado na zona mista do Pacaembu após a eliminação do Peixe para o Atlético-MG nas oitavas de final da Copa do Brasil. O mandatário fez um longo desabafo e disparou contra a CBF.

De acordo com Peres, o Santos foi prejudicado pela confederação por dois motivos: a manutenção da decisão contra o Galo no Pacaembu e a não desconvocação de Rodrygo.

– Eu queria até fazer um agradecimento à CBF. Ela conseguiu o que ela queria: nós fomos desclassificados, porque nos roubaram o direito de jogar na Vila Belmiro, sim, no dia 10 de maio. Nós mandamos um ofício para a CBF cinco dias antes da primeira partida. Então o artigo 13, que diz que não pode mudar a partida depois que faz a primeira, ela que tem que responder. Esse ofício ficou lá desde o dia 10. Falei que íamos perder jogadores. E ela não respondeu. Quando ela respondeu foi porque não tinha prazo. As responsabilidades tinha que ser assumido. O jogo era na Vila Belmiro. Pedimos dia 10 de maio – disse Peres.

Sobre Rodrygo, o presidente do Santos diz que seguirá tentando a liberação do atacante. O Peixe tem mais dois jogos antes da parada para a Copa América: novamente contra Atlético-MG e contra o Corinthians, ambos pelo Campeonato Brasileiro.

– Não desistimos. O que acontece é que o STJD não nos deu uma liminar, porque deu um prazo largo para a CBF, porque ela tem de explicar porque ela não libera. Ele não nos deu a liminar para escalar o jogador hoje, esperando a resposta da CBF, que teve três dias e não respondeu. Amanhã termina o prazo por volta do meio-dia e vamos esperar que o STJD tenha um critério, um bom senso, um jogador pode ser utilizado, o jogador não está inscrito. Se ele não está inscrito, qual a razão para convocar?

– De quebra convocaram o Rodrygo, que está indo para o Real Madrid. Ele já tem gabarito para ir numa convocação do time A. E nos tiram a força nas competições. Por isso um agradecimento para ela, porque conseguiu o que ninguém esperava, que era nos desclassificar. Olha, nós estivemos no Rio, falamos com o diretor de competições, falamos sobre a questão do Rodrygo. Ele foi convocado para um torneio não oficial, os clubes não têm a obrigação. E mesmo a gente falando que não poderia ceder, ele foi convocado. O Santos foi prejudicado. Não estou aqui chorando derrota. Mas fomos prejudicados – emendou.

Fonte: Globo Esporte - https://globoesporte.globo.com/sp/santos-e-regiao/futebol/times/santos/noticia/apos-eliminacao-presidente-do-santos-detona-cbf-conseguiu-o-que-queria-nos-desclassificar.ghtml

Recomendado para você pelo google

VÍDEO!

IMPRESSIONANTE: Jovem sertanejo adota dois sapos e os cria como animais de estimação em Patos

ARRAIÁ DO IZIDRÃO

É SÃO JOÃO: Escola João Izidro de Sousa dá inicio aos festejos juninos na cidade de Cachoeira dos Índios

DESPEDIDA

VÍDEO: Chorando, filha de Raimundo Ferreira conta como foram últimos dias do pai antes de morrer

CULTURA

VÍDEO E FOTOS: Jovens e adolescentes de Monte Horebe realizam apresentações culturais no Teatro Ica