header top bar

section content

Por igualdade, movimento “Jogue Como Uma Garota” reúne torcida feminina em apoio a Seleção

Grupo acompanhou a derrota de virada para a Austrália, pela segunda rodada da Copa do Mundo Feminina. Elas reivindicam igualdade de gênero: "A mulher pode e consegue ser melhor"

Por Por Rômulo Almeida* — Manaus

16/06/2019 às 07h13 • atualizado em 15/06/2019 às 13h23

Grupo acompanhou a derrota de virada para a Austrália, pela segunda rodada da Copa do Mundo Feminina. Elas reivindicam igualdade de gênero: "A mulher pode e consegue ser melhor"

Nos últimos anos Manaus ganhou fama pelo futebol feminino e por ter um dos maiores públicos da categoria no Brasil. Na Copa do Mundo deste ano, apesar de ser na França, a campanha “Jogue como uma garota” popularizou ainda mais a modalidade na capital amazonense.

Nesta sexta, durante derrota por 3 a 2 para a Austrália, um grupo se reuniu em um bar, no centro de Manaus, para acompanhar Marta e companhia. A rainha, inclusive, foi tema de debate. A turma não concorda com as comparações que envolvem seu nome com Pelé.

“Não pode comparar. Sempre querer medir. “Ah porquê é mulher e está jogando que nem um homem”. Sempre ter o homem como um espelho. A mulher pode e consegue ser melhor ou ter a mesma habilidade que um homem em habilidades. Cada um tem a sua. Para mim, a habilidade da Marta é dela, personalidade única” destaca a universitária, Mayara Viana.

O grupo, apesar de ser em homenagem as mulheres, não era 100% feminino. O funcionário público Rodrigo Barbosa foi um dos homens que marcou presença na torcida pela amarelinha. Para ele, todas as categorias tem que ser valorizadas, independentemente do gênero.

– Temos que desmitificar cada vez mais que futebol é esporte de homem e valorizar cada vez mais o futebol feminino. Por uma questão de idade e história, o Messi poderia ser a Marta do futebol masculino e não o contrário. Independente de gênero, cor, sexo, temos que valorizar cada vez mais o esporte, até porque somos o país do futebol – disse.

Brasil perde de virada para Austrália
Nesta sexta, o Brasil perdeu por 3 a 2 para a Austrália e se complicou na busca por uma vaga nas oitavas de final da Copa do Mundo Feminina. Marta e Cristiane marcaram para a Seleção, mas Foord, Logarzo e Mônica, contra, marcaram para as Matildas.

No primeiro tempo, as emoções das torcedoras foram muitas. Quando Marta e Cristiane colocaram o Brasil na frente, a felicidade reinava. Mas em duas falhas defensivas a Austrália empatou e virou o placar, para a tristeza das torcedoras amazonenses, que lamentaram o resultado.

Fonte: Por Rômulo Almeida* — Manaus - https://globoesporte.globo.com/am/futebol/noticia/por-igualdade-movimento-jogue-como-uma-garota-reune-torcida-feminina-em-manaus.ghtml

Recomendado para você pelo google

PARA TUDO!

VÍDEO! Garis realizam greve e toneladas de lixo deixam de ser coletados na cidade de Patos

PROGRESSÃO DE PENA

VÍDEO: Presidente da OAB-PB diz que pedido do MP e recusa de Lula para semiaberto têm motivo político

RECÉM-INAUGURADO

VÍDEO: Após morte de homem, perita explica por que o IML de Cajazeiras não atendeu a ocorrência

AGRESSÃO AO MEIO AMBIENTE

VÍDEO: Após lutar contra fogo em serra, padre faz alerta sobre queimadas ‘criminosas’ em Cajazeiras