header top bar

section content

Athletico-PR embala na Série A e impede líder Atlético-MG de disparar

Furacão vence a terceira seguida enquanto Galo vive surto de covid-19

Por Agência Brasil

19/11/2020 às 09h14

O Furacão aproveitou os vários desfalques do Galo por conta da covid-19 e venceu por 2 a 0 no Mineirão (Foto: Pedro Souza / Agência Galo / Atlético)

O Athletico-PR emplacou a terceira vitória consecutiva pela Série A do Campeonato Brasileiro. Pior para o Atlético-MG, que perdeu a chance de disparar na liderança da competição. Nesta quarta-feira (18), debaixo de muita chuva em boa parte do jogo, o Furacão aproveitou os vários desfalques do Galo por conta da covid-19 e venceu por 2 a 0 no Mineirão, em Belo Horizonte.

O duelo valeu pela sétima rodada do torneio nacional. A partida estava inicialmente marcada para 29 de agosto, mas teve de ser adiada porque, no dia seguinte, o Atlético-MG teria pela frente a final do Campeonato Mineiro. Apesar de permanecer na ponta, com dois pontos de vantagem para o vice-líder Internacional, o time alvinegro possui agora o mesmo número de jogos que os principais concorrentes ao título. Já o Athletico-PR ganhou cinco posições e aparece em 10º, com 25 pontos.

A equipe mineira foi a campo com oito desfalques por conta da covid-19. O técnico Jorge Sampaoli e seu auxiliar, Jorge Desio, também foram contaminados e não puderam comparecer ao Mineirão. Leandro Zago, treinador do time sub-20, dirigiu o Galo nesta quarta-feira. O Galo tentou manter a postura agressiva que lhe é peculiar, mas falhou ao não ser criativo como de costume – e pagou por isso.

O Furacão, que não tinha nada a ver com os problemas do adversário, criou as melhores chances do primeiro tempo e foi para o intervalo em vantagem. O volante Christian recebeu do meia Fernando Canesin e abriu o placar aos 34 minutos. Já aos 45, o meia Nikão finalizou da entrada da área e contou com um desvio no zagueiro Bueno para ampliar o marcador para a equipe paranaense.

O cenário do jogo não mudou na etapa final. O Atlético-MG assustou em finalizações do lateral Guilherme Arana – que estava com a seleção brasileira até terça-feira (17) – e do atacante Eduardo Sasha, mas parou no goleiro Santos. Nos demais chutes, faltou pontaria. Com o rival desorganizado, o Athletico-PR controlou a pressão e só não chegou ao terceiro gol porque o goleiro Everson fez duas boas intervenções em arremates de fora da área.

O Furacão volta a jogar pelo Brasileiro neste sábado (21), às 19h (horário de Brasília), com o Santos, na Arena da Baixada, pela 22ª rodada da competição. No domingo (22), o Atlético-MG enfrenta o Ceará na Arena Castelão, em Fortaleza, às 16h.

CULTURA

VÍDEO: Alysson Voz e Violão diz que Fuminc precisa melhorar porcentagem para artistas de Cajazeiras

ATITUDE

VÍDEO: “Quero ser empresário” diz jovem cajazeirense que vende paçoca nas ruas para conseguir dinheiro

LUTA PELA VIDA

VÍDEO: Enfermeiro que venceu a COVID-19 revela luta diária para salvar pacientes em Cajazeiras

PRESENTE PARA CLIENTES

VÍDEO: Sandro Baterias comemora 25 anos com várias promoções; entre elas, baterias com preço de fábrica

Recomendado pelo Google:
error: Alerta: Conteudo Protegido !!