header top bar

section content

Australianas têm “muita motivação” para enfrentar Brasil, diz técnico

Até 22.500 espectadores poderão assistir os jogos, já que o governo de Nova Gales do Sul permitiu uma capacidade de 75% graças às novas regras da covid-19

Por Agência Brasil

23/10/2021 às 11h05

Austrália Foto: Reprodução / Agência Brasil / REUTERS/Henry Romero/direitos reservados

A seleção feminina de futebol da Austrália estará motivada para jogar em casa pela primeira vez em mais de 18 meses quando iniciar a série de duas partidas contra as campeãs sul-americanas do Brasil, disse o técnico Tony Gustavsson.

As Matildas, que ocupam o 11º lugar do ranking mundial, recebem o Brasil, que ocupa a sétima colocação, no sábado e na próxima terça-feira no Estádio Western Sydney, voltando a atuar na terra natal pela primeira vez depois de sua vitória sobre o Vietnã na eliminatória olímpica de março de 2020.

Até 22.500 espectadores poderão assistir os jogos, já que o governo de Nova Gales do Sul permitiu uma capacidade de 75% graças às novas regras da covid-19.

Gustavsson pediu às jogadoras que recebam bem a pressão enquanto se preparam para a Copa do Mundo de 2023, que a Austrália sediará em conjunto com a vizinha Nova Zelândia.

A CASA CAIU

VÍDEO: Polícia Civil prende casal suspeito de roubar e espancar idoso de 61 anos na região de Cajazeiras

REPERCUSSÃO

VÍDEO: Após denúncia de carne contaminada, vereador cobra união para concluir matadouro de Itaporanga

CADA VEZ MAIS DISTANTES

VÍDEO: Veneziano diz que não é procurado por João Azevêdo há sete meses e que não vai ‘bater na porta’

ESPERANDO NO SOL

VÍDEO: Sofrendo com calor, mototaxistas cobram instalação de cobertura em posto no Centro de Cajazeiras

Recomendado pelo Google: